Buscar
  • AOA

Terapia Artística e DTM

A maioria dos autores concordam que a etiologia da DTM é multifatorial e que os fatores emocionais como, ansiedade, nervosismo, depressão, têm importância fundamental em relação a isso na manifestação dos sintomas e, no desenvolvimento da síndrome.  Expandindo a nossa visão através dos conhecimentos antroposoficos, podemos dizer que o paciente com DTM apresenta um desequilíbrio entre os seus corpos, que na antroposofia chamamos: corpo físico, corpo etérico, corpo astral e organização do eu. Pode-se constatar um desgaste excessivo do corpo etérico, responsável pela nossa vitalidade, pelo corpo astral, repleto de ansiedades, medos e nervosismo. Um estudo constatou que o trabalho com o ciclo das mandalas ( método criado pela Terapeuta Artistica Antroposófica Mary Porto) ,proporciona uma transformação profunda no âmbito anímico , equilibrando assim a relação entre os corpos etérico e astral, gerando um estado mais saudável. A imersão calma e delicada no mundo das cores e o caminho de metamorfose das formas e números neste processo criativo, é uma ferramenta valiosa no tratamento de pacientes com DTM, pois age de forma harmonizadora no equilíbrio dos corpos e proporciona desta forma mais qualidade de vida e a possibilidade de trabalhar de forma eficaz o aspecto integral da DTM.

( texto adaptado de Andrea T. Wernthaler)




0 visualização

ESPERAMOS SEU CONTATO

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle